DANILO CHRISTIDIS

Fotógrafo, videomaker, artista e educador visual.

Biografia

Danilo Christidis é fotógrafo, video maker, artista e educador visual, foi idealizador da Fluxo - Escola de Fotografia Expandida e participou da concepção e criação dos serviços da Estúdio Nômade e do TransvençãoLab.

Pela Fluxo, durante aproximadamente 4 anos na condição de diretor e docente da Escola, esteve à frente da elaboração e aplicação de diversos cursos e projetos especiais voltados para o desenvolvimento de equipes, disrupção e potencialização de processo criativo, além de projetos na área da fotografia, cinema e empreendedorismo, utilizando sempre da educação visual e métodos da fotografia documental como ferramentas para desenvolver caminhos inovadores nos métodos de aprendizado.

Participa constantemente de festivais, congressos e palestras falando sobre o papel da imagem em nosso contemporâneo.

Realizou exposições individuais e coletivas de diferentes trabalhos no Brasil e no exterior. Foi contemplado por dois prêmios da FUNARTE: a Bolsa de Estímulo à Criação Artística em Artes Visuais com o projeto “Estante Pública” e a Bolsa Funarte de Reflexão Crítica e Produção Cultural para Internet com o projeto “Exorcismos Urbanos”.

Participou da 9° Bienal das Artes Mercosul em 2013 e da 6° Bienal de Fotografia da Argentina em 2014. Foi membro do conselho curador do 8° Festival Internacional de fotografia de Porto Alegre. Durante sete anos, conviveu com diversas comunidades da etnia indígena Mbyá Gurarani, junto com o fotógrafo indígena Mbyá, Vherá Poty, na qual o ensinou a fotografar. Esta relação possibilitou a realização de um livro lançado em agosto 2015. A obra com título “Os Guarani Mbyá” é a primeira publicação fotográfica na história do Brasil realizado em co-autoria indígena. O mesmo projeto venceu a convocatória internacional do Centro de Fotografia de Montevideo/UY.

Atualmente está produzindo um filme e uma série televisiva acompanhando explorações arqueológicas em busca da herança pré colombiana na selva peruana.

Biography

Danilo Christidis is a photographer, visual artist.

His photographs were exhibited in Brazil and other countries.

He was awarded in two occasions for Fundação Nacional das Artes (FUNARTE) with the “Estante Pública” and the “Exorcismos Urbanos” projects.

He was part of 9th Mercosul Biennal Arts in 2013 and the 6th Argentina Biennal of Photography. In the 8th Porto Alegre International Festival of Photography he was a chosen member for the curatorial council.

For seven years he’ve being working in producing images for a book about the Mbyá Guarani ethnicity along with Vherá Poty, a Mbyá Guarani chief and photographer, which was taught by Danilo how to photograph. The book was released in August 2015.

More recently his production has shifted towards a self biographic and fictional subjects, utilizing different kinds techniques and approaches.

Prêmios

· Prêmio Funarte de Estímulo a Criação Artística em Artes Visuais 2010, com o Projeto “Estante Pública”.

· Bolsa Funarte de Reflexão Crítica e Produção Cultural para Internet 2010 com o Projeto “Exorcismos Urbanos”.

· Vencedor da Convocatória Internacional do Centro de Fotografia de Montevideo (CDF) “Os Guarani Mbyá” 2014/2015

Publicações

· Os Guarani Mbyá (Vherá Poty e Danilo Christidis)

Bienais

· 8 ° Bienal de Fotografia da Argentina – Tucuman setembro de 2014. (Artista convidado, conferencista e leitor de portfólios)

· 9° Bienal das Artes do Mercosul - Porto Alegre 2013 (Arista Convidado)

Curadoria

Foi membro do conselho curador do 8 ° Festival Internacional de Fotografia de Porto Alegre em 2015.

Foi Curador pedagógico do Festival de Fotografia de Rio Pardo de 2016.

Principais Exposições

Coletivas

· O Estendal: Rio de Janeiro – Brasil - 6 & 7 de fevereiro de 2015

Curadoria: Fernando Schmitt

· Retrato Incerto: Festival Internacional de Tiradentes – MG – Brasil - 18 à 22 de março

· “De longe de perto” Galeria Mamute – Porto Alegre – 25 de outubro a 23 de dezembro de 2014

Curadoria: Angélica de Morais

Individuais

 ´´Os Mbyá Guarani´´

Galeria SESC Lageado - Maio de 2017

Museu Municipal de Santo Ângelo -  Abril de 2017

Rio Pardo em Foto - Novembro de 2016

Universidade Católica de Montevideo - Maio de 2016

Galeria do Prado - Montevideo - Uruguay - feveireiro 2016

Galeria do Parque Rodó – Montevideo – Uruguay -

Museu da Universidade Federal do do Grande do Sul (UFRGS) de 17/08/2015 à 27/09/2015

6º Bienal de Fotografia da Argentina - Tucuman (Ar) Outubro de 2014.

· “Os seres da mata e sua vida como pessoas´´ (Vherá Poty e Danilo Christidis): Mostra fotográfica aborda as mitopoéticas de surgimento dos animais apartir da perspectiva Guarani-Mbyá e a importância das relações de parentesco, os cuidados e afetividades que fazem os seres humanos não tornarem-se animais.

- Palácio Piratini: Agosto de 2012

- de setembro a outubro de 2012: no Memorial do Rio Grande do Sul – Porto Alegre.

- de outubro de 2011 a julho de 2012: no Museu da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS);

- de abril a maio de 2011: no Porão do Paço Municipal – Porto Alegre.

· “Estar Alegre” (Vherá Poty e Danilo Christidis): exposição que retrata em resumo o cotidiano dos Mbyá-Guarani e a importância das relações de parentesco. Imagens Extraídas do projeto do livro “Os Guarani-Mbyá”. De julho a agosto de 2010. No Santander Cultural Porto Alegre.

· “Mínimas Fronteiras”: ensaio realizado sobre esculturas minimalistas instaladas em diferentes espaços da cidade de Porto Alegre. De novembro a dezembro de 2008. No Centro de Cultura Érico Veríssimo/ Porto Alegre.

· “Campesinos”: Ensaio fotográfico realizado na cidade de Cusco, no Peru retratou duas manifestações indígenas históricas, entre junho e julho de 2005. Após uma destas manifestações, o fotógrafo registrou durante 10 dias a vida e o trabalho dos camponeses indígenas que trabalhavam na cooperativa de chá na região de “la convención” na selva andina. Incentivo, organização e realização: Rosa Luxerburg Fundation, Universitat Oldenburg, Universitat Münster

- 26 de maio a 22 de junho de 2007. Café International des Welthauses Barnstorf – Barnstorf/Alemanha.

- 7 a 23 de maio de 2007. Universitat Münster – Münster/Alemanha.

- 17 de abril a 4 de maio de 2007. Universitat des Oldenburg , foyer A14 – Oldenburg/Alemanha.

- 12 a 30 de março de 2007. Kapitel8 – Domsheide 8 Bremen – Centro de arte da catedral municipal de Bremen/Alemanha.

- 19 de abril a 9 de maio de 2006. Univates, Espaço Arte, prédio2. Lageado/RS.

- outubro de 2005. Casa de Cultura Mário Quintana, Porto Alegre – Fotogaleria Virgilio Calegari. Programação de aniversário de 2005.

· “O Outro Litoral”: ensaio realizado sobre o litoral do Sul do Brasil, fotografado ao sol nascente com interferências cênicas surrealistas.

- abril a maio de 2007. LagerHouse – Bremen/Alemanha.

- 23 de novembro a 22 de dezembro. Mercatto Jazz, Porto Alegre.

Outros Projetos

· Pecha Kucha Nigth 11 - Montevideo 2015:

· Expedição INKARI 2011:

Documentação em vídeo e foto da expedição arqueológica no Santuário de Megantoni que investigava a cidade perdida de El Dorado de Paititi, ao norte de Cusco/Peru. A expedição organizada pelo Instituto Inkari, registrou diversos sítios desconhecidos pela arqueologia moderna como caminhos incaicos extremamente antigos, andenerías agrícolas e muros de contenção.

Danilo Christidis © 2017 - Todos os direitos reservados.
Criado por Wences Design

TOP